22/06/2023 às 18h50min - Atualizada em 22/06/2023 às 18h50min

Forças de segurança de Palhoça fiscalizam comércios e depósitos de sucata no Sul

Nenhum dos locais vistoriados tinha alvará de funcionamento; todos foram notificados.

PMP
Foto: Divulgação/PMP
Na manhã desta quinta-feira (22), a Prefeitura de Palhoça organizou uma nova ação conjunta, sob a liderança da Secretaria de Segurança Pública, para fiscalizar comércios e depósitos de sucata (desmonte de veículo, metal, papel, plástico, vidro, etc.) no Sul do município. Outra ação simultânea aconteceu no município de São José.

Participaram da força-tarefa em Palhoça: a Secretaria de Segurança Pública, a Guarda Municipal, a Polícia Militar (inclusive com o apoio de uma equipe do Canil), a Fiscalização de Obras e Posturas e a Fiscalização de Tributos do município, a Vigilância Ambiental e a Vigilância Sanitária, além de profissionais das empresas de telefonia.

Foram vistoriados seis estabelecimentos, localizados na Pinheira e no Morretes. Nenhum dos locais visitados tinha alvará de funcionamento. Todos foram devidamente notificados pela Fiscalização de Tributos.

Um dos locais foi embargado pela Fiscalização de Obras e Posturas porque a edificação, de dois andares, onde funciona o comércio de sucatas, está em estado crítico, com diversas rachaduras e infiltrações. Os proprietários também foram notificados pela Vigilância Sanitária e pela Vigilância Ambiental para adequações quanto aos veículos expostos ao ar livre.

A força tarefa também descobriu uma residência que vinha sendo utilizada como sede para o comércio e depósito de material de reciclagem, sem autorização legal. 

“É muito importante que os estabelecimentos estejam devidamente regularizados, existe uma legislação vigente que precisa ser respeitada e nossa fiscalização vai seguir vigilante para impedir o comércio clandestino”, comenta o secretário de Segurança Pública de Palhoça, Alexandre Silveira de Sousa.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale com o NR
Atendimento NR
Precisa de ajuda? Fale conosco pelo WhatsApp