12/07/2021 às 10h59min - Atualizada em 15/07/2021 às 00h00min

Xuxa processa apoiador de Bolsonaro, que a acusa de assédio sexual

“Anderson Campos usou de sensacionalismo em cima de uma celebridade para conseguir os seus 15 minutos de fama”, afirma Leandro Cunha, especialista em inteligência emocional, que explica os danos que isso pode causar

SALA DA NOTÍCIA Boost Assessoria de Imprensa
Divulgação
O vereador em Nilópolis (RJ) Anderson Campos (Republicanos), utilizou a tribuna da Câmara de Vereadores do município para desferir acusações à apresentadora Xuxa Meneghel, a chamando de “assediadora de menores”.

Bastante impactada pela fala do vereador, a apresentadora registrou uma queixa-crime e prometeu levar o caso a todas as instâncias necessárias até obter a punição de seu acusador.

Em sua fala na tribuna, o vereador imputa à Xuxa a acusação como forma de defender sua posição contrária ao fato de ela e outras duas personalidades terem apresentado um pedido de impeachment do presidente da república Jair Bolsonaro (sem partido).

O especialista Leandro Cunha afirma, em sua conta oficial no Instagram, que uma acusação, seja ela qual for, deve estar muito bem fundamentada antes de se tornar pública. Especialmente quando a acusação for de tamanha gravidade, como é a de pederastia, ainda mais envolvendo uma celebridade do porte de Xuxa Meneghel.

Para Leandro, os prejuízos psicológicos podem ser extremamente fortes para quem é acusado indevidamente por algum ato não praticado. Além, claro, de ser agravado pelo fato de, no caso de Xuxa, não saber o quanto essa acusação influencia a opinião pública a seu respeito.

O especialista deixa, no vídeo, muito claro que não devemos, em hipótese alguma, minimizar os problemas e as dores causadas a quem, de fato, sofreu algum tipo de abuso, em especial as crianças. No entanto, as acusações devem ser muito bem pautadas e comprovadas, pois podem causar prejuízos, muitas vezes, irreversíveis ao indevidamente acusado.

Mesmo com todos esses possíveis danos causados na esfera psicológica da apresentadora, a defesa de Xuxa deixou claro que não pretende aceitar uma audiência de conciliação. Já o vereador, que se manifestou em sua conta no Twitter, ainda disse que “não mentiu em nada” e não pensa em alguma conciliação por conta de sua imunidade parlamentar, que deve ser inviolável.
 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale com o NR
Atendimento NR
Precisa de ajuda? Fale conosco pelo WhatsApp